10 presentes infalíveis Strip Me

10 presentes infalíveis Strip Me

Fim de ano é tempo de presentear. E pra você acertar no presente em qualquer situação, a Strip Me apresenta 10 dicas de camisetas que são sucesso garantido.

Ganhar presente é uma delícia! Mas presentear também tem sua emoção. Ainda mais quando o presente realmente agrada a pessoa presenteada. Ver uma pessoa genuinamente feliz por ter ganhado algo legal é igualmente delicioso! E, convenhamos, nem sempre é fácil escolher o presente ideal. Ainda mais no fim do ano, que tem amigo secreto, da firma, da família, amigos e parentes mais chegados que a gente sempre faz questão de presentear e outras situações. Mas a mais emblemática delas certamente é o amigo secreto. Afinal, você corre o risco de tirar aquela carinha do setor de vendas, com quem quase não tem contato, ou tirar aquele seu primo mais novo com quem você não troca tanta ideia.

Mas para todas as situações, a Strip Me tem uma infinidade de camisetas incríveis como opção para você presentear. Para facilitar a sua vida, separamos 10 camisetas que são realmente presentes infalíveis! E dizemos isso com propriedade, afinal, são algumas das camisetas mais vendidas do nosso catálogo, bem como algumas delas são campeãs de venda como presente. Além disso, cada um tem a sua peculiaridade e charme especial. E é isso que vamos demonstrar abaixo.

Caramelo Republic

Estamos falando de um símbolo nacional! Não tem para arara ou lobo guará nenhum! O bicho símbolo desse nosso Brasilzão é o doguinho caramelo! Isso é fato consumado tanto quanto Evidências é nosso hino nacional. Quem em sã consciência não se identifica com uma camiseta como essa? Sem falar nas entrelinhas! A referência à bandeira californiana, deixando claro que nosso doguinho é pop, é liberdade, é diversidade, é sol na cara e alegria no coração!

Guitarra Vintage

A semiótica é fascinante! E não precisa ser nenhum estudioso no assunto para se ligar nisso. Basta notar que, para praticamente tudo neste mundo, existe um símbolo, um ícone, uma imagem correspondente. E a mágica realmente acontece quando um desses símbolos extrapola seu próprio significado, sendo contemplado simplesmente pela sua beleza estética. Por isso a camiseta Guitarra Vintage é uma das best sellers da Strip Me. Mesmo para quem não se liga em rock n’ roll, uma guitarra Stratocaster apoiada em um amplificador antigo é uma imagem admirável. Quando tal imagem é cuidadosamente desenhada, então, temos uma camiseta sofisticada e elegante, capaz de agradar qualquer pessoa!

Retrô Sunset

É senso comum que uma das coisas mais bonitas do mundo é o pôr-do-sol. Isso posto, já temos de saída um argumento irrepreensível. Mas vamos além. Todo mundo sabe que a humanidade viveu seu ápice cultural na década de 1970. Na música, na estética, na filosofia… Pensa bem, não tem chance de um cara de calça boca de sino, camiseta em tom pastel um número menor do que o ideal para a pessoa, cabelo black power e um cigarro no canto da boca querer te fazer mal. Unindo essa estética irresistível dos 70’s e a beleza das cores do pôr-do-sol, a camiseta Retrô Sunset é mais uma das camisetas unânimes da Strip Me!

Rosa Samba

Seguindo na exaltação à brasilidade, impossível não falar da comunidade carioca Mangueira, com sua legendária escola de samba e seus ilustres moradores, como o imortal sambista Cartola. É uma verdadeira instituição brasileira! E as emblemáticas cores que representam a escola de samba são uma combinação inusitada, mas muito envolvente! Tão envolvente que nos inspiraram a criar este camiseta, que já nasceu hit de vendas! Classuda, linda e minimalista, a nossa camiseta verde e rosa é um presentão!

Papoula

Eis aqui uma camiseta de beleza inebriante! É aquele tipo de camiseta que, sob um olhar superficial, é linda, elegante, minimalista e com um caimento perfeito, capaz de agradar homens e mulheres. Porém, o observador mais atento vai ver que, além de todas as qualidades já citadas, a flor que estampa a camiseta vem carregada de significado, tendo sido até protagonista de uma das guerras mais emblemáticas do século XIX no mundo, a guerra do ópio. Ou seja, é uma camiseta que não só é linda e super sofisticada, mas também tem uma profundidade considerável. Afinal, na Strip Me beleza e conteúdo sempre andam juntos.

Verde e Rosa

Que coisa incrível é a forca de uma imagem! Com certeza, entre as gerações mais novas, tem muita gente que já viu a capa do Abbey Road, identifica quando rolam paródias de gente atravessando uma rua na faixa de pedestres e tal… mas nunca ouviu uma música dos Beatles. Simplesmente porque trata-se de uma imagem realmente cativante. Aqui no Brasil temos várias imagens que se encaixam nessa categoria. Uma das mais emblemáticas é a foto do Cartola tomando cafezinho. Uma imagem brilhante que consegue transmitir toda uma cultura com uma simplicidade acachapante!  Para quem sabe cantar todos os sambas do Cartola e para quem simplesmente se liga em iconografia. Para quem manja e tem estilo, independente de suas preferências artísticas. Enfim, é um presente perfeito para geral!

Duas Cervejas

Tá aí o Brasil todinho numa imagem só. Fala a verdade, dá sede só de olhar, né? Será que falta muito pra dar seis da tarde? Cara, o nosso happy hour não tem pra ninguém! É o melhor do mundo! E levar isso no peito, numa pegada pop art mega descolada, com toda a iconografia tupiniquim inserida, o Cartola, o Abaporu, a espada de São Jorge, e a mesa de boteco. É irresistível! Uma camiseta linda, pra usar em qualquer ocasião! Mais uma camiseta que é hit de vendas e, claramente, um presente infalível!

Happy Hour

Simplicidade é a palavra! Mas veja bem, não confundir simplicidade com simplismo. A simplicidade tem classe, dispensa exageros e floreios para ir direto ao que importa. Neste caso, um patrimônio nacional: o boteco. Aquela mesinha e cadeiras de ferro ou de madeira, cervejinha gelada e uma galera em volta resolvendo todos os problemas do mundo entre piadas de gosto duvidoso. Tudo isso traduzido numa camiseta minimalista, elegante e super confortável, com caimento perfeito. É mais uma opção de presente certeiro! 

Pick Up

Sejamos francos. Quanto mais você conhece quem vai apresentar, maiores são as chances de acertar e agradar. Mas muitas vezes sabendo o mínimo, já dá pra marcar pontos e ser bem sucedido no presente. Por exemplo. Sabendo que a pessoa gosta de música, não importa o gênero ou estilo, uma camiseta como esta vai total de encontro e vai agradar! Afinal, uma pick up e o disco na agulha são um símbolo, uma imagem que remete diretamente à música. Que disco é esse? Que música está saindo dali? Aí fica na imaginação de cada um! Essa é a graça. Sem falar que é uma camiseta linda e super confortável! É pra não errar de jeito nenhum!

Nightporu

Encerramos essa lista com mais um ícone inabalável da cultura brasileira. Mas simplesmente estampar o Abaporu seria simplista demais (olha aí a diferença entre simplista e simplicidade). Então a Strip Me leva o Abaportu para a balada! Com aquela pegada minimalista sofisticada, reinterpretamos o clássico da Tarsila do Amaral para os dias atuais! Arte cosmopolita com referência (e reverência) a quem revolucionou a arte brasileira! Hit inconteste de vendas, uma camiseta maravilhosa pra ninguém botar defeito!

Cara, a Strip Me está desde 2014 transformando barulho, diversão e arte em camisetas sensacionais, tanto na estética quanto na qualidade da malha. Então, pode confiar quando a gente diz que essas dicas todas são realmente presente infalíveis! São camisetas campeãs de vendas e algumas delas frequentemente compradas com embalagem para presente, coisa que está disponível na nossa loja, inclusive. Então já se prepara para este fim de ano e confere no nosso site os lançamentos, que pintam lá toda semana, além se uma infinidade de camisetas separadas por categorias e coleções.

Vai fundo!

Para ouvir: Segue uma playlist especial onde cada uma das dez estampas selecionadas neste texto ganham uma música que a represente. Infalíveis Top 10 Tracks.

Os 10 Mandamentos do Boteco.

Os 10 Mandamentos do Boteco.

Apesar de ultra democrático, o bom e velho boteco não é terra de ninguém. Há um código de conduta não escrito, mas que deve ser respeitado. Portanto, hoje a Strip Me apresenta os 10 Mandamentos do Boteco.

Bar, doce lar! Não há lugar onde o brasileiro se sinta mais em casa do que o bar. Aquele boteco gostoso, com mesas na rua, cerveja estupidamente gelada e garçom gente boa. Mais que um simples estabelecimento comercial, é uma instituição brasileira e patrimônio socio-cultural. O bar é a materialização da democracia, onde todo o tipo de gente conversa sobre todo o tipo de assunto com liberdade. Mas falando assim, parece que é um lugar com certa pompa e circunstância. Mas é nada! É um lugar despojado e agradável que você pode ir de bermuda e chinelo ou de roupa social, que ninguém vai te julgar.

Mas não pense você que essa liberdade e despojamento fazem do boteco um lugar ao deus dará, uma terra de ninguém. Justamente por essa aura livre, não tem uma regra escrita de como agir e o que não fazer no bar. Mas claro que há um código de conduta, um decálogo de mandamentos a serem seguidos. Algo que está no consciente coletivo e que todo mundo meio que sabe, sem saber direito de onde aprendeu. Para exaltar a chegada desse calorão, o mês da Oktoberfest e simplesmente porque nós amamos um bom papo na mesa do bar, a Strip Me traz Os Dez Mandamentos do Boteco.

1. O que acontece no bar, fica no bar.

É meio que como as regras do Clube da Luta. A mesa do bar tem ares de confessionário, e o álcool tende a fazer com que as pessoas se tornem cada vez mais sinceras, além de ser um combustível muito eficiente para transformar pessoas comuns em hábeis dançarinos. Mas isso tudo não precisa ser motivo de buchicho ou chacota durante o cafezinho na segunda feira de manhã na empresa.

2. Serás cliente fiel de pelo menos um bar na cidade onde moras.

Olha, uma das características básicas do boteco é a boa convivência. E a boa convivência é algo que se constrói ao longo do tempo. Por isso, é muito importante você eleger em sua cidade o seu bar favorito, e frequenta-lo periodicamente, saber o nome do dono do bar, de pelo menos um dos garçons e etc. Isso te impede de ir a outros bares? Claro que não! Mas é sempre bom ter um porto seguro, onde você tem certeza que a cerveja estará gelada e que você não vai precisar pedir pra trocar a tulipa pelo copo americano.

3. Conversarás com o garçom além do essencial.

Esse negócio de falar somente o essencial é que com o motorista do busão. No bar, você tem total liberdade para pedir opinião do garçom não só sobre qual a porção mais apetitosa, mas também sobre o desempenho do time que vai jogar nos dias vindouros e até mesmo pedir conselhos amorosos. Garçons são sempre pessoas sábias e merecem ser ouvidas.

4. Não deixarás a cerveja esquentar no copo.

Não caia em conversa furada de falsos profetas, que teimam em levar etiqueta e melindres para a mesa de bar. Há quem diga que é indelicado colocar cerveja no copo de outra pessoa, sem que ela peça. Besteira! No bar, não se deixa a cerveja esquentar! Completar um copo que está com menos da metade é um favor que você faz àquele amigo que bebe mais devagar. Aquele golinho no fundo do copo pode rapidamente esquentar, tornando-se pouco atrativo ao paladar. Ao completar o copo com cerveja gelada, você restitui o equilíbrio da mesa.

5. Pedirás um petisco.

Nem que seja um amendoim. Mas um tira gosto é essencial para manter a mesa do bar funcionando perfeitamente, além de prolongar a qualidade da conversa ali desenvolvida. Afinal, todo mundo sabe que beber de barriga vazia faz com que o álcool faça efeito mais rápido. Para não começar a enrolar as palavras logo na quinta ou sexta garrafa, uma boa porção é fundamental. De preferência alguma fritura, como um belo torresmo, que ajudará a metabolizar o álcool no seu organismo. Além disso, tal ato vai colaborar com a arrecadação do bar, permitindo que ele se mantenha aberto e funcionando bem.

6. Saberás pedir cerveja gelada por diferentes expressões.

Não só por uma questão de entretenimento e diversão, mas também para evitar a monotonia da repetição da mesma frase muitas vezes na mesma noite, é importante que o frequentador do boteco tenha um bom vocabulário de expressões para chamar aquela cerveja gelada. “Vê uma trincando.” ”Me traz uma canela de pedreiro!” “Traz aquela com o véu de noiva.”  “Desce aquela tirada do cu da foca.” E por aí vai. O mesmo vale para a maneira como você se refere ao garçom. Amigão, doutor, mestre, consagrado, professor, meu querido, comandante…

7. Conversarás sobre todos os assuntos.

No bar é muito importante que você converse sobre todos os assuntos possíveis. Mesmo que você não entenda nada sobre o assunto em curso na mesa, opine, mostre-se curioso e tente aprender alguma coisa. Veja bem, não confunda a mesa do bar com um palanque ou uma sala de aula. Ninguém gosta de um palestrinha. Mas é sempre bom ter conversas leves e descomprometidas sobre os mais variados assuntos. O importante é não ficar a noite toda com a cara enfiada no celular só porque você não viu o último filme do Scorsese ou não liga a mínima que a Sandy é a mais nova divorciada da praça.

8. Não brigarás.

Esse é tão óbvio que não precisava nem ser dito, né? Até porque sair na mão é um troço muito demodê, é cafonérrimo, muito anos 90. Hoje em dia ninguém resolve mais nada brigando. Além disso, derruba o clima do bar, deixa todo mundo tenso, enquanto estão todos ali pra relaxar e curtir. Pra piorar, uma briga pode causar danos materiais ao bar e deixa-lo com fama de lugar mau frequentado. Portanto, se quiser brigar, não vá pro bar, vá pro Twitter.

9. Pedirás a saideira antes da conta.

Certas tradições são inquebráveis! Essa é uma delas. Todo mundo na mesa concorda que a conversa está boa, mas está ficando tarde, já comeram e beberam o suficiente e tal? Tudo bem. Então é hora de pedir a conta. Mas é absolutamente necessário manter o decoro e fazer como manda o figurino dizendo: “Campeão, traz pra gente a saideira e a conta faz favor!” A saideira é a responsável pelo brinde de despedida e por deixar o inebriante gostinho de quero mais, que fará com que todos na mesa aguardem ansiosamente pelo próximo fim de semana.

10. Se for embora antes dos demais, pedirás a parcial e pagarás sua parte.

Outro mandamento que nem precisava ser dito, de tão óbvio e ululante. Mas é sempre bom reforçar, porque sempre tem um espertinho que toma uma caixa de cerveja, joga trinta reais na mesa e vai embora de fininho. Ora, o fiel frequentador do boteco jamais faz isso. Se precisa ir embora antes dos demais da mesa, ele pede uma parcial, faz a divisão e paga sua parte. Assim, mantém todo um equilíbrio entre os presentes na mesa que ficarão até o final, além de fortalecer os vínculos de confiança e amizade.

Eu ouvi um amém? 10 Mandamentos desses é pra glorificar de pé, de preferência, com copo em riste, pronto pra brindar! O boteco é esse poço de brasilidade, lugar de barulho, diversão e arte, de diversidade, liberdade e democracia! Um lugar que a Strip Me leva no coração e se inspira para elaborar as mais lindas e descoladas camisetas de bebidas, mas também de cultura pop, onde o boteco está mais que inserido, aliás. E tem ainda as camisetas de arte, cinema, música, games e muito mais. Na nossa loja você confere tudo isso e ainda fica por dentro de todos os nossos lançamentos, que pintam por lá toda semana!

Vai fundo!

Para ouvir: Uma playlist digna de um fiel botequeiro! Bar, doce lar Top 10 tracks.

Para assistir: Recomendadíssimo o documentário sobre um dos grandes cantores de todos os tempos no Brasil: Cauby Peixoto. O filme Cauby: Começaria Tudo Outra Vez foi lançado em 2015 e dirigido por Nelson Hoineff. E o que um doc sobre o Cauby Peixoto tem a ver com o tema do texto? Ora, o Cauby fez sua fama e até seus últimos dias de vida se apresentou no bar mais famoso de São Paulo, o Bar Brahma! E, além disso, o Cauby tem uma história incrível que merece ser conhecida.

Cadastre-se na Newsletter
X

Receba nossos conteúdos por e-mail.
Clique aqui para se cadastrar.